Os programas de fidelidade vêm ganhando cada vez mais espaço entre as empresas brasileiras como forma de atrair novos clientes e reter aqueles que já conhecem a marca, atuando como excelente ferramenta de divulgação e relacionamento e contribuindo para o aumento da lucratividade.

Não basta, porém, criar um programa de fidelização e esperar que este conquiste por si só seus consumidores: o engajamento e a motivação da equipe de vendas são fundamentais para o seu sucesso, uma vez que consiste no principal ponto de contato entre a empresa e seu público alvo.

Sua equipe ainda é resistente à implementação de um programa de fidelidade? Você sabe quais podem ser os motivos por trás desta falta de engajamento? Confira alguns deles e entenda a importância da equipe de vendas para o sucesso de um programa de fidelização de clientes:

1. A equipe não entende o programa

Funcionamento e mecânica de pontuação adequados, recompensas atrativas, sistema de gestão bem estruturado: todos estes fatores são fundamentais ao sucesso de um programa de fidelização de clientes. De nada adiantam, porém, caso a equipe de vendas, responsável por divulgá-lo e oferecê-lo aos clientes, não esteja preparada para assim o fazer. A capacitação da equipe e seu envolvimento com o programa devem ser pontos de atenção do empreendedor no momento de implantá-lo.

É essencial que cada colaborador saiba como seu programa de fidelidade funciona, por que motivos está sendo desenvolvido na empresa e quais são os objetivos a serem atingidos. Procure, assim, oferecer treinamentos e capacitar sua equipe com relação à fidelização de clientes, definindo metas e garantindo que todos estejam cientes de como o programa funciona.

2. O programa não faz parte dos processos padrão

A inserção do programa de fidelidade como parte dos processos a serem realizados por todos os vendedores contribui para que este não seja esquecido ou deixado de lado nos momentos de maior movimento. A equipe de vendas deve, portanto, estar ciente da importância de convidar todos os clientes a participar do programa, apresentando com clareza e objetividade seus benefícios. Para tal, garanta que o convite ao programa seja parte dos procedimentos padrão a serem realizados por todos os vendedores no atendimento ao cliente. Em estabelecimentos que apresentam maior movimento e tempo de espera, certifique-se de que este seja otimizado para incentivar a adesão ao programa, ou seja, de que, enquanto espera, o cliente seja convidado a participar, utilizando melhor este tempo.

3. A equipe está desmotivada

A falta de motivação da equipe com relação ao seu trabalho na empresa pode ser um dos motivos da falta de engajamento com o programa de fidelização de cliente. Promover esta motivação exige do empreendedor investimentos em treinamentos e capacitação dos funcionários, incentivando seu desenvolvimento profissional e demonstrando a importância destes para a empresa. É importante que as metas e objetivos da empresa sejam apresentados com clareza, evidenciando o papel de cada um no seu cumprimento. Premiar e oferecer recompensas também para o colaborador que atingir estas metas é uma ótima forma de motivá-lo, contribuindo para que se esforce em oferecer um atendimento de qualidade e voltado para a fidelização, e garantindo um bom relacionamento com a empresa. 

Como você vem motivando sua equipe com relação ao programa de fidelidade da sua empresa? Que resultados vêm obtendo? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários!

Comentários

comentários